Gatinhos da Cida

Pilantra (in memorian)

Encontrei Pilantra jogado na rua quando estava indo para o trabalho. Eram 6 horas da manha e eu seguia o caminho de sempre quando ouvi uns miados de gatinho novo.
Meu coração bateu mais rápido e meus olhos começaram a procurar de onde surgiam aqueles miados desesperados. Pilantra, com aproximadamente umas 3 a 4 semanas de vida estava se arrastando no asfalto e miando muito.
Meu primeiro impulso foi pegá-lo no colo e voltar para casa para colocá-lo em um local seguro e alimentá-lo. E foi o que eu fiz. Voltei rápido para casa e alimentei Pilantra com um pouco de leite puro mesmo em uma seringa.
Pilantra era um filhotinho muito fraco e cheio de fungos.

Partiu na noite de 19/02/2012.

Boo

Boo é cheia de manias, mas tem duas manias muito especiais.
Uma delas é lamber minhas mãos, braços e rosto. Acho que ela era uma cadelinha na última encarnação dela e ficou com  esse pequeno “defeito” de cão…
Outra mania de Boo que não consigo entender e que me deixa super irritada.
Toda vez que estou sentada aqui no computador e o telefone toca e eu começo a falar ela vem para minha frente e começa a fazer de tudo para chamar minha atenção. Ela pode estar no sono mais profundo que se o telefone toca, ou eu pego o fone e ligo para alguem, la vem Boo para minha frente se esfregar no meu rosto e andar em minha frente , em cima da mesa, de um lado para outro.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: