Família da Fernanda

Meu nome é Fernanda, tenho 32 anos, e atualmente moro em Foz do Iguaçu, e entrei no grupo através da Maga ( Querida, obrigada beijos! ).

Sou iniciante com os gatos. Minha primeira gata foi uma siamesa, chamada Belzinha, que veio pra mim já mais velhinha (tinha 7 anos) e com mega cólon. Mesmo assim ela ficou comigo uns 5 anos, vivendo bem… até que começou a adoecer… Na época eu era mãe de primeira viagem, não conhecia um veterinário tão bom… e acabou que tive que sacrificar a Bel. Fiquei muito triste e passei por aquela fase ” Nunca mais vou ter gatos!!!!” Aí, uma amiga apareceu com uma gatinha cinza e branca que tinha sido resgatada…. Não resisti e peguei ela…  voltei a ser feliz novamente :)! Alguns meses depois, adotei uma outra gatinha tricolor, a Pepita, pra fazer compania pra Tina.

Pepita

Durante 2 anos elas foram inseparáveis… até que eu me mudei pra uma casa aqui em Foz, e por descuido meu a Pepita fugiu…  Conheci a Maga depois que perdi essa gatinha.  Eu tava muito triste (vcs com certeza sabem o que eu passei….) e a Maga foi bem querida, conversou bastante comigo, ajudou a divulgar a foto da Pepita e tudo… Mas desde fevereiro desse ano, nem sinal dela….
As pessoas me viam chorando por causa

Tina e Makra

da gata e não entendiam…. Hoje falo pra quem me pergunta, que não tenho mais esperanças de encontrar a minha gatinha, mas no fundo no fundo a gente sempre sonha com isso :((((. Esse mês coloquei anúncio no jornal de novo (escondida), na esperança de que alguém tenha encontrado ela e esteja com ela em casa, sem saber que ela está perdida :(… vou ter esperanças por um bom tempo…

Resumindo, mesmo depois disso tudo eu decidi adotar mais uma gatinha :). Hoje tenho 3 filhas-gatas, lindas, fofas, gostosas que eu amo demais. A Tininha (cinza e branca) com quase 3 anos, a Makra (ex-magatinha preta) acho que deve ter 1 ano mais ou menos, e a mais novinha tigradinha Penny ( que a Maga conheceu como Tigrinha :)). Estou colocando umas fotos delas aqui pra vcs conhecerem.

Penny e Makra

Estava lendo os emails do grupo, sobre segurança… e é bem isso, a gente nunca está 100% seguro. Sempre tem o fator humano, e por mais que a gente tenha cuidado, pode chegar uma outra pessoa, marido, irmã, colega, que não vai ver a danadinha (no meu caso…) escapando!  Depois do acontecido com a Pepita, eu fiz uma proteção nos muros e sempre que vai alguém diferente lá em casa, tranco as gatas no quarto. Mas mesmo assim, tô sempre atenta e preocupada. Morro de medo que um dia elas aprendam a escalar essa grade do muro e consigam fugir :(.

Pra terminar, minhas filhas também tem apelidos, rs! Chamo todas de fofa, princesa, princess,

Fernanda e Nil

gostosa, linda, mas cada uma tem seu apelido natural:

Tina: Tininha, Tina Turner, Ms. Turner, Pingy
Makra: Meikri, Makrima, Pretucha, Bobs, Bobucha
Penny: Tigrinha, Pinguinha, Peque, Pequenucha, Purr Machine

Coloquei uma foto minha também ( com o meu amado, bonitão, rs rs, Nil ) pra vcs me conhecerem.

Beijos! E nos vemos por aí!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: