DEFININDO A VELHICE EM GATOS

24 jun

Fonte – Amor e Miados

Enquanto a maioria de nós gosta de lembrar de nossos gatos como filhotes fofinhos que trouxemos para casa com poucos meses de vida, eles não ficam jovens para sempre. A melhor maneira de ajudar seus gatos a se manterem o mais saudaveis possivel enquanto os anos passam é reconhecer os sinais de envelhecimento e aprender mais sobre as doenças que podem acometer os gatos idosos.O QUE É UM GATO IDOSO? 

“Apesar de que muitas literaturas dizem que sete anos é igual a um ano humano, o tamanho do animal realmente influencia no ajuste dessa regra”, diz a Dra.Heide Lobprise, médica veterinaria e porta-voz  da Sociedade Internacional de Veterinaria de Cuidados para Animais Idosos. Na maioria dos casos, gatos começam a ser considerados idosos quando tem entre 7 a 10 anos de idade.

mesmo já idosos, os gatinhos ainda podem ser animados e ter qualidade de vida

De acordo com o Jornal da Associação Americana de Hospitais Veterinários, o termo “idoso” pode descrever um animal em processo de envelhecimento, mas o número de anos considerados para que seja realmente um “idoso” podem variar. Outras caracteristicas, como especie, raça, o estado de seus orgãos também podem determinar se um animal de estimação já atingiu o envelhecimento.

Os termos “geriátrico” e “idoso’ tambem são diferentes, Dr.Lobprise diz. Enquanto um gato pode ser considerado idoso, ele pode perfeitamente estar saudável ou apenas demonstrar princípios de sinais de envelhecimento. Animais geriaticos são aqueles que, além da idade avançada, também já possuem mais problemas de saúde.

SINAIS DE ENVELHECIMENTO  

De acordo com a Dra.Lobprise, há uma grande variedade de fatores que pode ajudar você a reconhecer sinais de envelhecimento no seu animal de estimação e muitos deles são similares ao sinais que as pessoas idosas também apresentam. Alguns destes fatores podem ser mais obvios, como intolerancia à exercicios ou mobilidade reduzida, enquanto outros são bem mais sutis. É importante monitorar os habitos alimentares do seu gato, padrões e o peso corporal. Obesidade pode trazer inumeros problemas de saúde, incluindo artrite e diabetes. Já um animal que perde peso rapidamente pode estar sofrendo de problemas dentarios ou de tireoide.

Os habitos de dormir e comportamento cognitivo tambem são algo para se prestar atenção. Um gato que não está ciente do que acontece ao seu redor ou tem dificuldade em reconhecer pessoas pode estar com Alzheimer ou demencia. A saúde da pelagem e a frequência com que o gato se limpa também podem ser indicativos de saúde.

gatinhos idosos tendem a dormir por mais horas durante o dia
“Um sinal de envelhecimento menos obvio, mas também importante é a quantidade e frequencia que seu gato bebe agua e urina”, diz a Dra.Loprise. A quantidade que seu gato está bebendo ou se ele não está bebendo o suficiente pode ser um indicativo de muitas doenças, desde problemas endocrinos até problemas renais. É algo dificil, especialmente em uma casa com muitos animais, mas isso deve ser monitorado sempre que possivel. Ficar de olho na condição geral do seu animal também pode ajudar a detectar possiveis anormalidades.
Já que estamos mantendo os animais mais saudaveis hoje em dia e o número de pets idosos também está crescendo, o cancêr é uma das causas mais comuns de obitos, especialmente em algumas raças. É preciso estarmos atentos para qualquer inchaço ou caroço que aparecer.
O comportamento do seu animal também pode indicar sinais de envelhecimento. Gatos que estão começando a experimentar sintomas cognitivos podem miar mais a noite, como se estivessem perdidos. Eles tambem tendem a se tornarem mais reclusos se algo estiver errado e não mostrarão sintomas até que a doença esteja avançada.
DOENÇAS COMUNS EM GATOS IDOSOS
Uma doença bem comum em gatos idosos e de fácil prevenção é a doença periodental. Apesar de não ser uma enfermidade grave, é necessário ficar atento a ela, para que o tratamento possa ser feito no inicio e ser realmente efetivo. Você pode perceber a doença periodental chegando regularmente os dentes do seu gatinho, verificando as gengivas, se há sinais de infecção ou inflamação, se as gengivas estão vermelhas ou se existe tartaro. Se estes sintomas não forem logo tratados, a doença periodental pode prejudicar o coração, rins e outros orgãos.
Doenças renais e hepaticas podem ser bem comuns em cães e gatos, assim como doenças cardiacas. Problemas endocrinos incluindo glandulas adenais impactadas e tireoide também podem afetar gatos idosos. Hipertiroidismo fazem com que os gatos mais velhos percam peso e se sintam fracos enquanto a obesidade pode causar diabetes. Infelizmente, de acordo com a dra.Lobprise, é mais comum que multiplos problemas ocorram em animais idosos.

As funções cognitivas do seu animal também podem se tornar um problema comum. Ele está percebendo seus arredores? Reconhece seus donos? Pequenas perdas naturais de cognição são comuns durante o processo de envelhecimento, mas ao se tornarem mais avançadas, podem até mesmo roubar a qualidade de vida do animal. Suplementos, alimentação adequada e produtos feitos para ajudar a função cognitiva podem ajudar a aliviar esses sintomas, mas é importante que seu gato passe por uma avaliação veterinária antes de iniciar qualquer tratamento.

TRABALHANDO EM PARCERIA COM SEU VETERINÁRIO 

Enquanto os gatos idosos e geriatricos precisam de mais visitas ao veterinário do que os animais adultos, pesquisas apontam que uma porcentagem bem baixa deles é submetido a exames regulares recomendado pelos veterinarios.

“Um unico check-up anual pode nos mostrar mudanças sutis na saúde do seu pet, mostrando algum problema antes que ele se torne mais grave e se torne uma ameaça á vida do seu gato.”, diz Dr.Lobprise. Ela recomenda que gatos idosos façam visitas ao veterinário pelo menos 2 vezes ao ano, com um exame de sangue completo, urinalise e check-up de todo o seu corpo, além da verificação da boca e dentes e, se necessário, também devem fazer limpeza de tartaro.

ultrassom anuais também fazem parte do check-up, para verificar internamente a saúde dos rins, fígado, intestino e até mesmo alterações na prostata

“Doenças renais, cardiacas ou até mesmo cancer, quanto mais cedo forem diagnosticadas, melhor.” Dr.Lobprise completa: se você disponibilizar a eles o melhor tipo de cuidado possivel, você estará garantindo que a vida deles será mais confortavel e eles poderão continuar a ser parte da familia por muito mais tempo.”

Converse com seu veterinário sobre o que e a quantidade que seu gato está comendo, diferentes etapas da vida necessitam de diferentes tipos de nutrição para manter um peso adequado. Você também deve prestar atenção na musculatura e estado geral do corpo. Seu gato pode pesar o mesmo de sempre, mas retenção de liquidos e perda muscular podem indicar alguma doença. Manter um acompanhamento escrito do peso e até mesmo fotos frequentes do seu gato podem ajudar a identificar possíveis mudanças corporais.

é nessa etapa da vida que eles mais precisam de cuidados, atenção e nosso amor 🙂

Depressão e ansiedade também podem ocorrer em animais mais velhos, então você deverá conversar com seu veterinário sobre esses ou outros problemas de comportamento. Existem medicamentos proprios para ansiedade, mas também é essencial que a vida em casa esteja tranquila.

“Quando falamos de um gato idoso ou geriatrico, dias dificeis sempre podem acontecer. O mais importante é mantê-los confortaveis e se você sabe que haverá uma situação de stress, manejá-la da melhor maneira possível.”

Anúncios

Uma resposta to “DEFININDO A VELHICE EM GATOS”

  1. Kitty Santos 05/07/2014 às 2:01 am #

    os gatos podem até ficar idosos,mas meu amor por eles é infinito! visita meu blog é o kittylovecats!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: