Gatos Ferais – Captura e Sugestões

26 jul

(Tradução de Marilia Bavaresco do post do site Cats&Co)

“…

Se você encontrar gatinhos que estão sozinhos, tente descobrir se a mãe os abandonou ou se ela é apenas está à procura de comida. A única maneira de descobrir isso é esperar. Muitas vezes, ela irá retornar dentro de algumas horas. Você pode observar antes de mover os gatinhos do lugar, a partir de uma distância ou um local escondido para ter certeza que ela não está retornando. Use o bom senso e seja paciente.

Mamãe não voltou ainda

Se a mãe gata não voltar depois de várias horas, e você acha que ela abandonou os gatinhos ou eles estão em perigo, você pode optar por criá-los sozinho. Pense sobre esta decisão antes de agir. Leia aqui. Você terá de decidir se os filhotes necessitam de cuidados gatinho neonatal (uma a quatro semanas de idade), se os filhotes são jovens o suficiente para ser socializados ou adotados (de seis a dezesseis semanas de idade), ou se eles estão na idade para ser castrados e devolvidos (quatro meses ou mais).

Mamãe retornou

Se a mãe voltar para os seus gatinhos, existem algumas opções que você pode pensar.

Se a mãe é feroz, e os gatinhos são muito jovens para serem separados (uma a quatro semanas de idade), a melhor coisa a fazer é deixá-los sozinhos, desde que o lugar onde eles estejam seja seguro. E se você acha que a mãe será capaz de cuidar de seus filhotes, apenas deixe-os sozinhos. Forneça água, comida e abrigo e mantenha vigilância. Se você é capaz de fazer o lugar onde eles ficam mais seguros, por que não fazê-lo?

Se você não for capaz de vigiá-los, ou não for capaz de alimentar, socializar e adotar os gatinhos no futuro, você pode prendê-los, castra-los e devolvê-los quando os filhotes tiverem a partir de oito(8) semanas de idade ou (2)dois quilos.

Se você pode puder socializar, promover a adoção ou adotar os filhotes, o melhor momento para fazer a castração é quando eles tiverem de seis(6) a doze(12) semanas de idade.

Uma idéia ainda melhor é prender a mãe, castra-la e devolvê-la (salvo haja possibilidade de adoção).

Lugar Seguro

Se os filhotes são muito jovens para serem separados, e você acha que é mais seguro para os gatinhos e sua mãe entrarem em casa, você pode prender a mãe com a armadilha,  recolher os gatinhos, dependendo de sua idade, e trazer a família para dentro. Pode ser numa peça tranqüila, pequena como um banheiro, onde eles podem viver até os filhotes serem desmamados.

Com eles em segurança você pode decidir o que é melhor para todos. Se a mãe é selvagem e é melhor retorna-la para seu habitat após castra-la ou encontrar para ela um lar adotivo, se ela está totalmente socializada.

Se a mãe é feroz e os gatinhos têm idade suficiente para serem separados dela, você tem que tomar uma decisão: comprometer-se a alimentar, socializar, e adotar/promover adoção dos gatinhos após a castração dos mesmos.  Ou ligue para seu veterinário/SPCA/abrigos seguros que possam ser capazes de ajudá-los. Eu acho que é compreensível que nem todas as pessoas que estão dispostas a ajudar os gatinhos têm dinheiro para castra-los. Eu acho que neste caso, o SPCA pode ser de grande ajuda. Ou talvez o seu veterinário pode lhe dar algumas idéias/ajudar.

Opa, A Gata Está Amamentando!

Se você capturar um gato e descobrir na clínica que ela é uma mãe que amamenta, leve-a imediatamente castrada (gatas nutrizes continuam a produzir leite depois de terem sido castradas, e podem continuar a amamentar seus filhotes) e devolva-a para o local onde você a pegou. Para tanto, assim que ela abrir os olhos da anestesia, estará pronta para ir naquele mesmo dia, com a aprovação do veterinário.

Certifique-se que a clínica conhece os seus planos para o regresso de mães nutriz o mais rápido possível, pois eles podem ter um protocolo de anestesia que vai capacitá-la a acordar de uma cirurgia mais rapidamente. Pode parecer contra-intuitivo separá-la de seus filhotes, mas é muito difícil prendê-la novamente após a amamentação. Esta pode ser sua única chance real para castra-la e evitar ninhadas posteriores. Tente encontrar os gatinhos (de acordo com a mãe depois de devolvê-la) para que você possa interceptar e neutraliza-los quando eles tiverem idade suficiente.

A Gata Está Grávida!

Se você descobrir na clínica que você trouxe uma gata grávida, é possível que ela seja castrada, mas por um veterinário experiente, que tenha realizado esta cirurgia antes. Pode ser necessário um dia extra para a observação de recuperação. Para muitas pessoas, este é um aspecto difícil de Armadilha-Castração-Retorno, mas, como mães que amamentam ou qualquer gato em uma armadilha, pode ser difícil prendê-la novamente. Esta é sua única chance de protegê-la dos riscos e tensões de acasalamento e gestação.

Diferença Entre um Gato Perdido e um Gato Feral

Gato feral e gato perdido não é o mesmo tipo de gato em matéria de comportamento. Um gato de rua pode ser um gato que foi separado de seu dono. Ele pode ter se perdido, caído ou sido abandonado quando o proprietário se mudou ou morreu, por exemplo. Estes gatos são menos arredios às pessoas.

Um feral no entanto, é um gato que nasce “in the wild”, eles são descendentes de gatos selvagens. Gatos selvagens não podem ser abordados.

Se você não tem espaço / tempo / whatever para cuidar dos gatinhos, não importa sua idade chamar seu veterinário, o SPCA ou quaisquer abrigos não-matar quem pode ser capaz de ajudá-lo.

(…)”

Nota: No Brasil não temos SPCA, mas temos ONGs engajadas no acolhimento e campanhas de adoção. Procure entidades sérias, comprometidas. Mas antes de tudo, faça sua parte.

Trata-se de uma tradução literal do post original, não refletindo em sua totalidade a opinião deste blog. A iniciativa de traduzir esta matéria é fazer com as pessoas entendam a importância da esterilização dos animais, principalmente os que estão em situação de risco.

Anúncios

Uma resposta to “Gatos Ferais – Captura e Sugestões”

  1. Laura 11/10/2012 às 10:55 am #

    Muito obrigada ajudou muito mas tenho uma duvida,e se a mamae e os gatinhos estiferem em local de dificil acesso e correndo risco?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: