BOCA DOS GATOS: UM LOCAL CHEIO DE SIGNIFICADOS (PARTE I)

21 ago

via Medicina Veterinária para Gatos Domésticos / Veterinary Medicine For Domestic Cats de Carlos Gabriel Dias MV MSc PhD em 17/08/11

Gatinha com fratura no palato (Dias, 2009) Úlceras (Glossite) em gatão com insuficiência Renal (Dias, 2010)

Ulcera Labial (Complexo Granuloma Eosinofílico) em gato (Dias, 2010)

Doença periodontal grave em gato (Dias, 2010)

Neoplasia em boca (Dias, 2008)

Abrir a boca dos gatos deve ser uma rotina para os Gateiros e Médicos Veterinários. Normalmente vista com muito respeito e ansiedade, as bocas dos gatos poderão mostrar sintomas de doenças importantes e quase sempre silenciosas. Duas situações devem ser entendidas como causadoras de doenças na boca dos gatos: as doenças localizadas na boca e as doenças sistêmicas que apresentam sintomas variados e dentre eles, observamos alterações na boca. Inspecionar a boca dos gatos é tentar identificar sinais precoces de doenças. Vale ressaltar que não vale abrir toda hora a boca dos pobrezinhos. Manipulações repetitivas e desastrosas podem gerar intolerância e incômodo desnecessários. O ideal é que filhotes até a 7ª semana sejam acostumados a manipulações para inspeção durante sessões de carinhos para que tolerem as investigações quando adultos. A idade dos gatos poderá sugerir qual doença é a mais sugestiva. Doenças infecciosas como, por exemplo, complexo respiratório é mais comum em filhotes. Animais jovens poderão padecer de quadros anêmicos, doenças odontológicas ou feridas traumáticas (brigas, queda, etc.). Gatos vovôs padecerão mais frequentemente de câncer, ulceras e halitose por doenças renais e modificações da coloração por doenças cardiopulmonares. PORÉM, TODAS ESSAS DOENÇAS E OUTRAS MAIS PODERÃO ACOMETER OS ANIMAIS EM TODAS AS IDADES.

O QUE PROCURAR NA BOCA DO GATO?

#1 Em primeiro lugar, o Médico Veterinário deve ser convocado assim que notar que o jeitinho de comer está diferente do normal. Mastigar de lado, olhar para o pote de ração e não comer ou dificuldade de mastigar e engolir o alimento.

#2 Quase sempre uma doença na boca como, por exemplo, doença periodontal ou câncer, modificarão a forma de engolir o alimento, mas a investigação sempre será imperativa em lesões recentes que ainda não causaram alterações significativas.

#3 Abrir a boca do gato requer carinho e conhecimento da técnica. Existem varias técnicas e deverão ser utilizadas de forma firme e cuidadosa. Gatos com doenças na boca poderão reagir à manipulação por conta da dor.

#4 Gatos anêmicos exibem palidez nas suas mucosas, gatos com dificuldade respiratória poderão estar ligeiramente azulados e os gatos ictéricos estarão amarelados com intensidades variadas.

#5 Jamais comparar a coloração das mucosas de gatos e cães. Os gatos exibem uma coloração das mucosas ligeiramente mais pálidas quando comparados aos cães.

#6 JAMAIS, JAMAIS, JAMAIS medique seu gato por conta própria. Cada uma dessas alterações de cores da boca poderá estar associada com doenças bastante diferentes umas das outras ou até mesmo a mesma. Não podemos olhar para uma boca amarelada e simplesmente dizer que o gato está problemas no fígado. Só para exemplificar, gatos anêmicos tanto poderão ter as mucosas da boca pálidas, azuladas ou amareladas.

#7 Dentes que se movimentam com facilidade (“dentes moles”), caroços, feridas, ulceras e hálito DIFERENTE (PORQUE UM CHEIRO RUIM, NORMAL OU BOM VARIA MUITO DO NARIZ DO GATEIRO EM QUESTÃO, NÃO É MESMO?) devem ser SEMPRE investigados!

Continuem no Próximo post!

http://clinicaparagatos.blogspot.com/2011/08/boca-dos-gatos-um-local-cheio-de_17.html


MtvJAkNVZzA

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: