Papais felinos

17 jun

Cezar, marido da Maga, de Foz do Iguaçú

Nem só de mulheres gateiras vive a lista gatos!! Existe um movimento que as circunda e que não pode ser desconsiderado ou deixado em segundo plano, jamais: os maridos, namorados, noivos, pais, irmãos, familiares, ficantes ou simplesmente papais felinos da lista. Isso sem falar dos próprios entes masculinos que já fazem parte ativa da Gatos: André, Cláudio (s), Heclair, …

André, da Lista Gatos, com sua Poteussa. Florianópolis

São homens, jovens e senhores, que tem suas ocupações, vivem muitas vezes rotina muito corrida e quando chegam em casa encontram aquele ser que vai estar ali, pronto para… epa! Vai estar esperando esse papai para prover suas necessidades alimentares. Muitas vezes, ronronando e roçando seu corpo nas pernas desses mesmos homens, os felinos acabam ganhando de lambuja um afofo meio desajeitado mas cheio de carinho e agradecimento.

Sim, agradecimento puro e singelo. E olha que nem precisou muito, né papai?

Marcos com Garu - marido da Thania do Rio de Janeiro

Marcos (RJ) na infância segurando Onassis

Muitos dos papais da lista já amam os felinos antes de terem sido apresentados às mamães felinas. Veio de berço. Lindos de ver, conhecem todas as particularidades gatísticas, mantém os pequenos peludos e são capazes de provocar suspiros apaixonados só por este fato. Muitas vezes este lado elurófilo (aficcionado por gatos) pode provocar a desconfiança em outros homens e mulheres preconceituosos, tachando os papais felinos como homossexuais. E para essas pessoas eu só tenho uma coisa a dizer: quem dera os machões e mulherzinhas preconceituosos de plantão tivessem a sensibilidade dos homossexuais. HOMENS REAIS AMAM GATOS. Ponto.

Fred com Petúnia - marido da Márcia de Québec, Canadá

Jaime e Dumdum - Curitiba

Gatos são assim, capazes de derreter os corações mais duros. Conheço muitas histórias, como por exemplo de uma colega minha que adotou um gato persa e seu marido, que havia dito que era ele ou gato, hoje dorme com o felino. Aliás, dois felinos, porque depois do primeiro, veio o segundo…

Ou uma das adotantes de uma filhote da Madeleine, cujo marido estava muito reticente em relação à adoção, hoje espera todo mundo se recolher para aconchegar Florzinha na poltrona que ela adora dormir, e que mamãe não queria.

Drégus e Lua - marido da Giane Portal, Porto Alegre

Como essas, existem muitas histórias. Os homens vão deixando de lado aquele ar de macheza que estranhamente está ligado à ferocidade, e assumindo que seus corações têm lugar para as singelezas da vida, as delícias de acarinhar um pelo macio, de receber uma demonstração de afeto espontânea. Quando isso acontece é possível chegar à alma desse homens muito mais facilmente, pois os felinos quebraram a carapaça de intransigência que os envolve.

Namorado da Rosi com a Nena - Porto Alegre

Enfim, papais tão sérios mas que ao se depararem com a delicadeza de movimentos, ronronares de prazer e fofurices explícitas, tornam-se crianças de olhos brilhantes, apaixonados por esses serezinhos que pedem tão pouco e são capazes de nos dar tanto de volta.

Afinal como dizem por aí: HOMEM QUE É HOMEM AMA OS ANIMAIS, SEM DISTINÇÃO!

Renato - marido da Amanda - BC - SC

E mulher, se ligue: caso o homem desejado diga que não gosta de gatos, apresente um a ele. Só assim poderá tirar a prova e prosseguir no jogo da sedução. Senão, conselho: use e jogue fora!!!!! Não vale o investimento.

Se o olho dele brilhar, e ele passar ao menos a mão no felino, já foi abduzido, está no papo. Daí pro altar é so um miado, opa, um passo!!!!

Lincoln, marido da Dóris - São Paulo

Anderson e Luna em Florianópolis

Mas não se engane pois existem seres de gênero masculino que não são tocados pelos encantos felinos. Estes são irremediavelmente desinteressantes e não merecem mais do que estas linhas neste post.

Obs.: Achei essa matéria no site Reino da Almofada, que também trata do assunto Homens que Gostam de Gatos…. muito boa.

Anúncios

Uma resposta to “Papais felinos”

  1. Maga 17/06/2010 às 4:30 pm #

    Amei Ma, quero deixar mais uma historinha com vcs. O pai do Cezar era o tipo de cara que tocava o cachorro em cima dos gatos da vizinhança, pra assustá-los, enxotá-los e tals, não gostava mesmo. Depois de viúvo conheceu uma senhora gateira, foi morar com ela e hoje ele vive com 7 gatos e não dorme sem companheirão, o Sheiki, um gato preto de pelo longo que eu e Cezar demos pra ele.

    Não adianta, se a pessoa tiver um bom coração, os gatos conquistam MESMO.

    bjks e ronrons

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: